sábado, 31 de julho de 2010

A festa acabou

Falar desse assunto daria um livro, mas há tempos nós torcedores, e não só a minha gereção, vem sofrendo com o término das festas nos estádios, a cada dia novas leis idiotas saem para que a festas nos estádios cada vez mais se acabem, mastros, sinalizadores, cantos, enfim tudo que é considerado "agressivo" e que possa causar qualquer tipo de confronto entre torcidas ou policiais.

Mas acho justo hoje aqui falar sobre a torcida colorada que na ultima quarta-feira deu show dentro e fora do estádios com a "rua de fogos", e que agora inventaram mais uma lei absurda proibindo eventos como a própria, rua de fogos além de cantos que falam sobre a sua rivalidade (c/ o tricolor gaúcho, Grêmio)

É o fim, estamos chegando no fim, querem transformar um "estilo de vida" como o futebol em um négocio "fino" como o tênis e o hipismo", ahhh que se foda o tênis e o hipismo, enfiem a raquete no rabo e "sentem no cavalo pra levantar o rabo", eles nunca vão entender o que é viver o futebol, até porque pessoas que criam essas leis não frequentam estádios como nós torcedores frequentamos.

Retirando a festa vai mudar alguma coisa?isso só vai piorar, e eu digo porque, se não tem festa o que resta?alguns não vão mais aos estádios e outros apotam pela briga.A briga acontece sempre, com festa ou sem festa, a mentalidade do torcedor, principalmente o organizado por boa parte é marginalizada, por isso respeito muito as torcidas do sul do brasil(não estou dizendo que também não tem erros), lá se criou a verdadeira mensagem de apoio incondícional ao clube dentro de campo, a verdadeira festa e apoio, mas sem perder a cobrança e exigir do time o que o torcedor merece, infelizmente por sua maioria, no brasil e principalmente em SP as torcidas tem dois lados, o comércio e a marginalidade, só, o que sobrevive são os "heróis anônimos", porque dentro das "grandes" organizadas hoje, pelo menos em SP ganham muito dinheiro com venda de materiais e até mesmo projetos, campanhas e festas.

O que tem que mudar é a mentalidade do ser humano, não só do torcedor, mas também da polícia, da mídia, e da justiça, porque no fim das contas quem é punido é somente o torcedor mas ninguém "quer" ver o caminho de tudo que acontece até chegar no torcedor e a confusão, educação, organização, respeito, falta em ambos os lados, tanto da "lei" como do "consumidor", mas no final "quem se fode é nois"...

Aliás qual vai ser o futuro das canções e das bandeiras?ja imaginaram?Não brigue, abrace(risos), e as canções "Eu amo meu time, e o rival é meu amigo", PORRA!mais que putaria é essa toda, é o fim, é o fim...

Sobre novidades do blog, terça-feira estarei em campinas acompanhando o Ramalhão contra a Ponte Preta, infelizmente minha filmadora está quebrada ainda e não poderei fazer vídeos, mas minha câmera fotográfica já está preparada e vou fazer fotos da partida, tanto do lado andreense quanto o local pontepretano, até lá, e pra finalizar ficam dois vídeos, a "Rua de fogos" da torcida colorada, e o vídeo na baixada santista em mais uma atitude covarde da PM...





"ÓDIO ETERNO AO FUTEBOL MODERNO"

Abraços e Beijos
El Pibe Gui

2 comentários:

Gisele disse...

É uma vergonha isso. Pra eles é muito mais facil dizer "não" e deu.
Ruas de Fogo, eu estava lá e foi totalmente pacifico entre os torcedores, mas atrapalhou o transito (por pouco tempo) e isso é o suficiente pros PMs descerem o pau. No dia seguinte deu problema na ponte do guaíba e o transito parou por mais de 5 horas, e aí??? Vão descer o cacete em quem???? Torcedor é sempre marginalizado! E como tu disse, briga sempre vai ter... não vai ser fogos ou letra de musica que vai mudar. Mas mesmo assim, nós torcedores não vamos parar, não vamos deixar nossos times na mão. Inovar sempre!!!

. mô torquetti disse...

Pois é, na hora de criticarem as organizadas, tem um monte, na hora de defender, e ver que temos coisas boas, são poucos os que reconhecem. Fazemos campanhas solidárias, festas beneficientes, e quem está ae com isso. É mais facil falar o quanto tem briga, quando tem seja lá o que for de ruim, do que quando fazemos bem. Com todas essas leis e tudo mais, tudo que irá acontecer, é acabar com a festa que tem nos estádios, deixar o estádio em extremo silêncio, onde o máximo que pode ocorrer são 'olas' e 'olés'. O povo brasileiro, tão conhecido por sua alegria no estádio, com sinalizadores, fogos, bandeiras vai acabar, por culpa da minoria, que não tira o terno, e não sabe o que é viver isso. ALÉM DO QUE, como mostra no video, da torcida do Santos, a maneira que somos tratados no estádio, é totalmente desumano, a falta de preparo da policia, é a grande causa das brigas, e confusões. ^^

Boa Sorte na ida a Campinas, seja bem vindo ao interior, e o convite está de pé para ver o jogo do XV DE PIRACICABA.

Seja bem-vindo ao Expulsos de Campo

O publicitário, roqueiro e torcedor do Santo André, Guilherme Pibe, traz a visão "underground" de toda cena do futebol e do rock´n roll juntos em um só blog.



Para ver os vídeos do EDC, clique aqui.